Oficina de Customização na Anhembi Morumbi –errata–

No post anterior publiquei que seria na sala 43 do campus Morumbi.

Hoje saiu a divulgação e vi que na verdade é na 53.

A oficina é gratuita e destinada aos alunos da universidade, de todos os campus.

Pessoas de fora, somente com prévia autorização.

image001

Como a divulgação no pdf enviado aos e-mails do alunos saiu com alguns erros, não escolham por lá.

Indo direto ao link das inscrições, é possível encontrar esta oficina corretamente.

Apenas é importante lembrar que é preciso levar a peça que deseja customizar.

Na dica de hoje, compartilho esta ideia da Anneorshine com sapatos.

Uma maneira muito simples de trazer informações de tendência para uma peça que você já tem há algum tempo.

E em caso de outras dúvidas, entrem em contato comigo via comentários aqui.

Obrigada,

e até lá!

🙂

Anúncios

Oficina de Customização no Encontro da Escola de Arquitetura, Artes, Design e Moda

Quinta-feira, dia 24 de outubro, às 19:30h será a vez da oficina de Customização integrar a programação do Encontro da Escola de Arquitetura, Artes, Design e Moda 2013.

Este evento ocorre anualmente na Universidade Anhembi Morumbi, a fim de promover a integração dos cursos. É preparada uma semana de programação com oficinas e atividades diversas.

image001

Em 2011 participei da oficina sobre curadoria de arte na Casa da Xiclet, com a própria, foi muuuuuito legal!!!!!

Em 2012 fiz a oficina de tipografia com a Carla Gibin, que deu várias dicas ótimas!

Enfim. É sempre uma oportunidade de conhecer pessoas legais e aprender algo.

Este ano fiz questão de participar ministrando uma oficina de customização, pra poder falar de sevirologia na moda, que é quando você procura por meio dos recursos que tem, ter acesso a algumas peças que são objetos de desejo. Como Evelina Barry ilustra perfeitamente neste vídeo tutorial:

Sou fã do trabalho dela! Pra mim, ela é uma seviróloga porque desenvolve covers das peças que gosta, e passa a técnica para seu público pela internet. Atualmente as pessoas sugerem novos tutoriais pelo twitter. Inspirador!

Essa foi a dica de hoje. Até o dia 24 irei postando outras ideias que poderemos fazer na oficina.

Até lá!!!

🙂

Customizando pra manter a vibe positiva´´´´

fogos-de-artifc3adcios

Venho falar neste post sobre a sensação de continuidade após a virada do ano.

Pois nem tudo é renovação num ano que se inicia.Temos novas expectativas e planos, mas o que estávamos fazendo certo, iremos continuar e nutrir.

São vários os rituais no momento da virada do ano para que o sentimento daquele momento seja o que irá reger o ano inteiro que se inicia. E sim! Claro que é válido! E acrescento ainda que podemos estender estes rituais para todos os outros dias que sentirmos vontade!

Cuidar da aparência é um ato ritualístico. E se o fizermos com esta consciência daremos mais atenção a este ato, o que aumentará sua qualidade.

Vejam quantas vantagens: Se você tem dinheiro disponível para comprar tudo o que tem vontade, ótimo! Parabéns! Se você já gastou o que tinha e o que não tinha no final do ano e agora lhe sobraram no bolso somente os trocados do dia a dia, você irá voltar sua atenção a os rituais do dia a dia que lhe farão sentir-se bem,  e assim ter a confiança e postura para abraçar suas conquistas! No mais, rituais são apenas rituais. Caso você já esteja com a cabaça martelando e lamentando porque algo deu errado durante o seu réveillon, ah pára! Esta postura mental também é parte deste ritual às avessas. A sua vibração é tudo! Pode não ser visível mas é sentida há distâncias que nem somos capazes de imaginar! Então a hora de mudar a negatividade é já! Seja arrumando o guarda-roupa e doando o que não quer mais, ou ainda customizando uma peça antiga! Só nisso você já tem eficazes rituais de renovação pra começar o ano com a energia lá em cima! Fluindo como deve ser!!!

Ainda por cima pra arrematar seu look customizado, tem os brincos que eu ando aprontando em continuidade ao sucesso de 2012. Esses acabaram de ser confeccionados e estão com um precinho possível pra todo mundo!

brincos 2013

De verdade! É que eu amo o que faço, além de querer me aperfeiçoar e querer cada vez mais pessoas usando as coisas que saem das minhas mãos e das minhas ideias!

Agora pra ajudar você a customizar algo right now, um site que me inspirou bastante em 2012: http://www.giannyl.com/

Tratem de salvar o blog Customização e Afins junto com este site em seus favoritos e não deixe a energia cair!!!

Grandes momentos virão em 2013!

Beijos a todos!

😀

Cobrindo uma estampa com retalhos

Olá!

Cobrir estampas com retalhos é uma das coisas que mais gosto de fazer em customização.

Podemos compor misturas interessantes, propondo um novo aspecto para a roupa sem interferir na modelagem da peça.

Você continua com a roupa que curte, só que de estampa nova. E única!

Pode ser também uma boa forma para solucionar acidentes como manchas, fio puxado, ou similares.

E colocando a criatividade pra funcionar, por que não inserir o retalho fazendo uma interação com a estampa já existente?

Neste caso eu cobri a estampa de coração, mas não trabalhei os retalhos muito em função da forma da estampa. Preferi manter o formato de alguns que ultrapassavam um pouco a linha limite.

São várias possibilidades. Customizar é usar os materiais disponíveis para fazer sua própria interferência na peça.

É misturar à vontade!

Praticando o exercício do senso estético (combinações e composições) e de sentir o que você deseja carregar em seu corpo.

 

Enjoy! 😉

Vocês podem tuitar, recomendar, e colocar nos comentários suas opiniões!

Valeeeu!!!

Brincos de tecido by Sannalber

Há um tempo comecei a experimentar alguns formatos com retalhos impermeabilizados com termolina e  costurados com linha brilhante. O resultado é um brinco com aspecto rústico, customizado, que pode ser grande e ao mesmo tempo leve. Alguns eu costuro por cima de uma base feita de cartão telefônico cortado no formato do brinco. Vejam alguns modelos:

desmontando um brinco antigo…

…para aproveitar o feicho…

…que foi usado no brinco “lótus”. Com 2 pétalas a menos, seria o brinco “tulipa”.